Paróquia

Santa Rosa de Lima

Notícias da paróquia › 07/08/2018

Mensagem aos dizimistas – Agosto

Amigos dizimistas.

Chegamos ao mês da nossa Padroeira, Santa Rosa de Lima, a bela jovem peruana nascida Isabel Flores y Oliva, agraciada com tamanha beleza que, desde cedo recebeu o apelido de Rosa. Embora tenha tido muitos pretendentes, optou por dedicar-se à vida de oração, entrou para Ordem Terceira Dominicana, recebeu o hábito e construiu uma cela simples no fundo do quintal da sua casa e adotou uma rigorosa disciplina de vida contemplativa. Também cultivou uma dedicada atenção às pessoas, sendo extremamente bondosa e caridosa, principalmente com os índios e negros, aos quais voltava-se em caso de doença.

Santa Rosa de Lima não esteve enclausurada num convento para seguir os ensinamentos cristãos, pois soube organizar sua vida em torno do discernimento sobre a vontade de Deus, com o forte desejo de servi-Lo. Seu alimento espiritual, a oração, era também o que a impulsionava para que estendesse o olhar aos mais sofridos.

Santa Rosa de Lima nasceu em 20 de abril de 1586 e morreu em 24 de agosto de 1617, com 31 anos. Foi canonizada pelo Papa Clemente X, em 1671 e sua festa litúrgica celebra-se a 23 de agosto. Em nossa paróquia, sua solenidade litúrgica é revestida pela Festa das Nações, um dos momentos mais bonitos ao longo do ano, no qual os filhos e filhas da Paróquia de Santa Rosa de Lima se reúnem para celebrar o seu testemunho de fé e dedicação aos ensinamentos de Jesus Cristo.

Que o testemunho de vida de Santa Rosa de Lima possa lhe inspirar sempre mais na fé, na esperança e na caridade. Que possamos homenageá-la seguindo seu exemplo de amor a Deus e aos irmãos e irmãs.

 

Pe. Sergio Lucas e Pastoral do Dízimo

Imprimir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *